Residências Cruzadas

O novo programa de residências cruzadas fará com que a circulação internacional a partir do Teatro Municipal do Porto não aconteça somente através dos espetáculos que coproduzimos, mas também dos períodos de criação que os antecedem. Iniciamos este novo programa com parceiros cuja missão passa pela criação artística e pelo desenvolvimento de projetos de residências que promovam condições para a criação artística, tal como a disponibilização de apartamentos, estúdios de trabalho, assistência técnica e de produção. Em pleno desenvolvimento, a primeira fase deste projeto tem início com os artistas Marco da Silva Ferreira, Cristina Planas Leitão e Ola Maciejwska que desenvolverão fases de residência no Teatro Campo Alegre (Porto), Centre Chorégraphique de Caen (França), Charleroi Danse (Charleroi e Bruxelas / Bélgica) e Centro Nave (Santiago do Chile / Chile). 


TEATRO MUNICIPAL DO PORTO
PORTO, PORTUGAL

O Teatro Municipal do Porto, através dos seus dois pólos, os teatros Rivoli e Campo Alegre, apresenta um programa multidisciplinar, aberto a várias latitudes e a diversos tipos de público, executando a estratégia implementada pelo Pelouro da Cultura da Câmara Municipal do Porto desde a sua reabertura em setembro de 2014. O equilíbrio entre o que se faz na cidade, o que circula no país e o que de internacional apresenta no Porto, faz deste Teatro um verdadeiro lugar de descobertas e confirmações artísticas.

www.teatromunicipaldoporto.pt

 
NAVE
CENTRO DE CREACIÓN Y RESIDENCIA
SANTIAGO DO CHILE, CHILE

NAVE é um centro de artes performativas e “live arts”, que desde 2015 funciona como espaço de criação, investigação e residência. Este é um espaço aberto a artistas de diferentes disciplinas, sendo que o seu principal foco são projetos que experienciam dança e corpo, oferecendo apoio técnico, de produção e comunicação. Um dos objetivos do NAVE é tornar-se uma plataforma para artistas nacionais e internacionais que necessitem de um espaço para desenvolver, criar e investigar com todas as condições que um centro desta dimensão permite.

www.nave.io



CCNCN — CENTRE CHORÉGRAPHIQUE NATIONAL DE CAEN EN NORMANDIE
CAEN, FRANÇA

Um lugar em que a dança é acessível a todos, para ver, dançar e falar. O CCNCN – Centre Chorégraphique National de Caen en Normandie é um espaço de projetos partilhados que questionam o mundo onde vive- mos, um lugar onde a dança é o coração de uma visão artística, política e cívica. Um espaço sob a direção da coreógrafa Alban Richard, partilhado por artistas, moradores locais, associações e instituições culturais, um lugar aberto à criação artística e ao repertório contemporâneo.

www.tccncn.eu


CHARLEROI DANSE ⁄ CENTRE CHORÉGRAPHIQUE DE LA FÉDÉRATION WALLONIE-BRUXELLE
BRUXELAS + CHARLEROI, BÉLGICA

Charleroi Danse / Centre Chorégraphique de la Fédération Wallonie-Bruxelles é a antiga Ballet Royall de Wallonie e mudou a sua orientação para a criação contemporânea. A direção é assumida, desde 2007, por Annie Bozzini. Tem como objetivo fornecer um lugar de acolhimento para a criação coreográfica internacional. É o único centro coreográfico da Federação de Valónia / Bruxelas, uma ferramenta de referência na vanguarda da arte coreográfica. Charleroi Danse tem a sua acção dividida por duas cidades, dois espaços com missões distintas, porém, complementares.

www.charleroi-danse.be