Ensaios Gerais Solidários

O Ensaio Geral Solidário nasce de uma proposta de Luís Moreira à Companhia Nacional de Bailado, em dezembro de 2010.
Esta iniciativa propõe que o ensaio geral de determinado espetáculo ou artista, seja potenciado em benefício de instituições de solidariedade social, através da cedência de convites, que a instituição por seu turno disponibiliza aos seus associados e ao público.

Os critérios de avaliação para a seleção dos candidatos (Termos e Condições de atribuição de apoio no âmbito dos Ensaios Gerais Solidários - Capítulo IV, artigo 9º), são os seguintes:

1. Interesse e pertinência do apoio solicitado face ao fim a que se destina; (25%)
2. Capacidade de angariação dos restantes recursos necessários à concretização do projeto; (10%)
3. Número potencial de beneficiários e público-alvo abrangido pelo projeto; (5%)
4. Resposta às necessidades da comunidade; (15%)
5. Contributo para a correção de desigualdades de ordem socioeconómica e combate à exclusão social; (25%)
6. Âmbito geográfico da intervenção. (5%)

A Câmara Municipal do Porto apoiará assim indiretamente através do Teatro Municipal do Porto, as instituições ou entidades que se candidatarem a as causas que estas pretendem apoiar. Para mais informações devem consultar o site da Câmara Municipal do Porto ou do Teatro Municipal do Porto.


ENSAIO GERAL SOLIDÁRIO • 27 OUT 2016
O último Ensaio Geral Solidário decorreu a 27 de Outubro de 2016 relacionado com o espectáculo "Inquietações" de Joana Providência.
Foram beneficiárias as seguintes entidades:
ACREDITAR - Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro
CSPA - Centro Social e Paroquial do Amial
Mundo a Sorrir - CASO Centro de Apoio à Saúde Oral
Nossa Senhora das Dores e S. José Postigo do Sol
 

APRESENTE A SUA CANDIDATURA ATÉ 15 DE MAIO 2018 PARA
paralelo.tmp@cm-porto.pt

Em anexo (Clique para descarregar os documentos):

Termos e Condições de atribuição de apoio no âmbito dos Ensaios Gerais Solidários
Anexo I
Formulário