ESCUTO


Subcutâneo ⁄ Teatro Anémico

Novembro

qui 19 & sex 20 nov ⁄ 22h00
sáb 21 nov ⁄ 19h00
dom 22 nov ⁄ 17h00


RIVOLI Pequeno Auditório

5,00 eur • A classificar pela CCE
 

bilhetes

Obra original "Riverside Drive", de Woody Allen
Tradução Helena Briga Nogueira e José Miguel Silva
Encenação Joana Africano
Interpretação Tiago Moreira, Simão Do Vale e Inês Barros
Sonoplastia Tiago Moreira
Coprodução Subcutâneo e Teatro Anémico
“Escuto” parte de “Riverside Drive”, uma divertida comédia de Woody Allen que nos transporta ao interior de uma dupla intriga, em que a traição e o sucesso são elementos preponderantes numa conversa aparentemente espontânea entre um escritor de sucesso (Jim) e um sem-abrigo delirante e paranóico (Fred). 
Sob uma desagradável neblina nova-iorquina, Fred aborda Jim, convencido de este lhe ter roubado a ideia de uma história que agora se transformou em filme e levou o escritor a um novo patamar de sucesso. Jim, por sua vez, tem outras preocupações: está à espera da sua amante para pôr um fim à relação e finalmente eliminar os sentimentos de culpa que o seu pudor de marido e de pai lhe criaram. Mas Fred é “claramente um homem culto” e a conversa progride, empurrada pelo delírio de Jim e pela insistência de Fred na ideia de assassinar a amante do escritor.

O Teatro Anémico surge em Julho de 2011, pela mão de Joana Africano e Tiago Moreira, e procura criar oportunidades de entretenimento, lazer e aprendizagem, de linguagem universal, através da criação e desenvolvimento de projetos artísticos multidisciplinares. A equipa que constitui o Anémico foi crescendo com o seu reportório, e conta hoje com a colaboração de vários artistas convidados, tendo como núcleo criativo Tiago Moreira, Joana Africano e Inês Barros.

Fundada por Simão Do Vale, Francisco Pessanha de Meneses e Manuel Tur, a Subcutâneo tem como missão o desenvolvimento de projetos na área do Teatro e da Música. A presença de artistas de áreas diferentes assenta num princípio de investigação das intersecções estéticas, narrativas, acústicas e visivas que a concomitância da Música (ou melhor, das suas expressividades) e do Teatro proporciona.
ESCUTO -

calendário