Filipe Moreira & Lola Sousa

FIBRA

Filipe Moreira & Lola Sousa

© Sílvia Vieira

FIMP 2020

1719.00hSáb
1817.00hDom

RIVOLIPalco do Grande Auditório

Marionetas
Estreia
Projeto vencedor da 4ª edição Bolsa de Criação Isabel Alves Costa
9€ • 45min • >16
FIBRA tem como génese as potencialidades plásticas do figurino, assumindo-o como o protagonista e como ponto de partida para a criação cénica. A epiderme roupa-corpo surge como suporte para explorar a ambiguidade e a beleza das emoções humanas, associada à ideia de deformidade e metamorfose. A partir das limitações e adaptações entre a peça vestível e um corpo, encontram-se pretextos para pensar o belo e o feio numa relação simbiótica que tem como inquietação inerente uma comunicação sensorial mais ativa entre a matéria, o artista e o espectador. Ao vestir o invólucro têxtil, o intérprete entra em isolamento com o exterior. Os cheiros, os sons e o toque ficam aguçados e, ao mesmo tempo, concentrados, sendo dominados. O que é visível assume uma dança de inúmeras identidades. — Filipe Moreira & Lola Sousa 


FILIPE MOREIRA é criador na área da performance, usando como ferramentas criativas o corpo e a voz. Formado em Interpretação pela ACE e Coreografia pela Universidade de Falmouth.

LOLA SOUSA é figurinista no Teatro do Bolhão. Como criadora explora o têxtil na conceção de objetos disformes, vestíveis e hápticos.

FIMP 2020

1719.00hSáb
1817.00hDom

RIVOLIPalco do Grande Auditório

Marionetas
Estreia
Projeto vencedor da 4ª edição Bolsa de Criação Isabel Alves Costa
9€ • 45min • >16
Cocriação Filipe Moreira & Lola Sousa
Conceção plástica Lola Sousa
Interpretação Filipe Moreira
Composição musical e sonoplastia João Ricardo
Desenho de luz Mariana Figueroa
Vídeo para cena, fotografia e vídeo documental Miguel F
Olhar exterior e apoio coreográfico Aldara Bizarro
Apoio na conceção plástica e construção Nuno Encarnação
Documentação videográfica Mário Negrão
Fotografia e vídeo documental Mário Jerónimo Negrão
Produção Executiva Sara Lamares
Agradecimentos Cristina Ferreira, Maria Glória Costa, Manuela Bronze, Dona Ana
Coprodução Teatro Municipal do Porto, FIMP — Festival Internacional de Marionetas do Porto, Comédias do Minho