Fernando Mota

Concerto para uma árvore

Fernando Mota

© Castelo Vamba

FIMP NO TMP

Outubro

17/10 dom 17:00

CAMPO ALEGRECafé-Teatro

Formas animadas
Preço 7€
Duração 35min 
Classificação etária 6+
Concerto para uma árvore marca o início de uma pesquisa à volta de objetos sonoros e instrumentos musicais experimentais criados a partir de árvores e outros materiais naturais. O instrumento Hárvore foi criado a partir de um carvalho cortado numa limpeza de terrenos na Serra de Montemuro em Fevereiro de 2020. Durante a quarentena esta pequena árvore foi-se lentamente transformando num instrumento musical, com cordas esticadas entre os seus ramos e sinos em lugar de flores. É tocado com as mãos, pauzinhos chineses, arco de violino, powerball, slide, pedras e troncos. Este e outros instrumentos desta pesquisa, como a Ramira e a Birdcage, fazem parte de um concerto que é a primeira paragem de um caminho que se adivinha longo e que englobará outras ramificações como os sistemas de comunicação e simbiose entre plantas e árvores e a pesquisa poética sobre a velhice e a memória.


Fernando Mota é músico, compositor e artista multidisciplinar.Desde 2000 que tem vindo a desenvolver uma linguagem cénica multidisciplinar e universal, em criações como MAPA (estórias de mundos distantes), PHOTOMATON, PEIXE LUA e QUANDO O HOMEM LAVRAVA O MAR.  O seu universo musical resulta do cruzamento de diversas linguagens, geografias e ferramentas, como o estudo de instrumentos tradicionais portugueses e de outras culturas, a construção de instrumentos experimentais e objetos sonoros, a utilização de elementos da natureza e sons do quotidiano nas suas composições e a manipulação e experimentação sonora através da informática e da eletroacústica.

FIMP NO TMP

Outubro

17/10 dom 17:00

CAMPO ALEGRECafé-Teatro

Formas animadas
Preço 7€
Duração 35min 
Classificação etária 6+
Criação e interpretação Fernando Mota
Produção e coordenação Violeta Mandillo
Operação técnica Catarina Codea