Xana Novais

Como matar mulheres nuas

Xana Novais

Double Trouble #01

2721.00hSex

CAMPO ALEGRESala-Estúdio

Artist talk
Preço Entrada gratuita
Duração 2.30h
Classificação etária >18

Apoio



A pesquisa e mutação entre 2017 e 2020. A dor e o prazer, a ascensão e a força do poder feminino, uma reflexão constante entre a ideia de vida e de morte, os limites humanos postos à prova, o real e a ficção dentro do espectáculo, do processo da peça e deste momento pandémico. A relação da Xana com o apetite de criar reações no público. A transformação do horror em belo. Como é que uma obra de arte se impossibilita de morrer? Uma conversa, um vídeo, um figurino e um ato.


XANA NOVAIS nasceu no Porto em 1995 e é atriz, bailarina e performer. Formou-se no ano de 2013 em Teatro pela Escola Profissional Balleteatro do Porto e posteriormente fez o curso de dança FAICC na Companhia Instável. Destaca no seu percurso a participação como intérprete nos espetáculos, “O Nome da Rosa” de Pedro Zegre Penim (Teatro Municipal do Porto/ Teatro Praga, 2015); “O céu é apenas um disfarce azul do Inferno” de Hugo Calhim Cristovão e Joana Von Mayer Trindade (Festival Cumplicidades, 2015), “Despertar da Primavera” de Teatro Praga (Teatro Praga/CCVF/Teatro Viriato/TNSJ, 2016), “Palhaço rico Fode Palhaço Pobre” de João Pedro Vale e Nuno Alexandre Ferreira (Bienal BoCA/ TMP/ São Luiz Teatro Municipal, 2017), “M18” da Estrutura (Teatro Municipal do Porto / Casa da Cultura de Ílhavo), “Jungle Red” de Carlota Canto Lagido ( Festival DDD/ 2018 ) e “Apollon” de Florentina Holzinger (Campo, 2017) espetáculo com o qual se encontra presentemente em digressão internacional. Enquanto criadora criou os espetáculos #NAZIPARTY, “(VS) POPCORN”, “Un Teknè”, (G) Dysphoria APP e cocriou juntamente com o fotógrafo Diogo Bessa “One Way To Pandora”. No seu trabalho de criação, investigação e performance usa o seu próprio corpo para explorar e questionar os limites da obra de arte, e as fronteiras entre ficção e realidade. Atualmente está a desenvolver a criação Como matar mulheres nuas com estreia emnovembro 2020 no Teatro Municipal do Porto. A forma como Xana Novais tem vindo a desenvolver os seus trabalhos passa por uma colecção de testes mentais e físicos que propõe a si própria, um limbo constante entre a ficção e a realidade com pormenores extremamente auto biográficos. Nesta pesquisa procura perceber como é que pode tornar sua obra vitalicia, criando um Save Space peculiar a si mesma, um espectáculo que faz refletir sobre a possibilidade de nos marcarmos verdadeiramente com uma prática artística desta vez não só no seu corpo mas também no corpo das suas intérpretes.

Double Trouble #01

2721.00hSex

CAMPO ALEGRESala-Estúdio

Artist talk
Preço Entrada gratuita
Duração 2.30h
Classificação etária >18

Apoio



Instigadora Cristina Planas Leitão